Botafogo em debate
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos

Com gol do Mago, Bota vence o Galo por 3 a 0

Ir em baixo

Com gol do Mago, Bota vence o Galo por 3 a 0 Empty Com gol do Mago, Bota vence o Galo por 3 a 0

Mensagem por vbm Dom Ago 08 2010, 10:35

Com gol do Mago, Bota vence o Galo por 3 a 0

Somália marcou o segundo do Glorioso e Herrera ampliou, fechando o placar para o Glorioso

Com gol do Mago, Bota vence o Galo por 3 a 0 5099625

No encontro entre alvinegros, os cariocas levaram a melhor mais uma vez sobre os mineiros. Com gols de Maicosuel, Somália e Herrera, o Botafogo venceu o Atlético-Mg por 3 a 0, no Engenhão. Superior durante todo o jogo, o Glorioso confirmou o melhor momento e não teve dificuldade para marcar seus gols, afundando ainda mais a crise do Galo, que continua na zona de rebaixamento.
Em bom número, a torcida tinha motivos de sobra para ir ao Engenhão. Sem contar o excelente retrospecto dos cariocas sobre os mineiros, que nos últimos sete jogos disputados no Rio não somaram nenhum ponto, a torcida ainda queria rever o ídolo Maicosuel vestindo a Estrela Solidária. Soma-se ainda as boas atuações de Jobson e o reencontro de Loco Abreu com a torcida. Por isso, mesmo sem lotar o estádio, os quase 28 mil presentes viram uma grande festa com papel picado.

Botafogo domina o primeiro tempo e abre 2 a 0

A primeira boa oportunidade do jogo surgiu entre os convocados para a Seleção Brasileira. De fora da área, Diego Tardelli chutou forte, mas Jefferson não teve dificuldade para defender. João Pedro também fez bela jogada, passando com facilidade pela zaga alvinegra, mas o Camisa 1 do Botafogo saiu bem do gol, fazendo a defesa.

Com o jogo igual, o Botafogo criou a melhor chance com seu principal jogador em campo, Jobson. Sempre muito ágil e habilidoso, após driblar dois zagueiros dentro da área aos 23 minutos, chutou fraco e a bola passou rente à trave esquerda do Fábio Costa.

A jogada mudou o cenário da partida, dando, mais uma vez, superioridade ao Botafogo, que pressionou os atleticanos até conseguir marcar. Após boa jogada, Maicosuel tocou para o argentino Herrera que bateu de fora da área. No rebote, o Mago não teve dificuldade para empurrar para dentro, marcando o primeiro gol em seu reencontro com a torcida. Na comemoração, beijou o escudo e agradeceu ao técnico Joel Santana.

Empolgados com a festa após o primeiro gol, os alvinegros continuaram pressionando o Atlético, que ficou apático, sem criar chances. Pressionando a saída de bola dos mineiros, Herrera teve mais uma boa chance, mas chutou para fora.

O segundo gol do Glorioso não demoraria e saiu com Somália. Aos 41 minutos, o camisa 10 chutou forte de fora da área e a bola desviou na mão de Herrera, que estava caído, enganando Fábio Costa. Apesar da reclamação dos mineiros, o juíz confirmou o gol.

Em um segundo tempo morno, cariocas são superiores e ampliam o placar

Para tentar se recuperar no placar, Vanderlei Luxemburgo fez duas substituições. Obina, que ainda não está no auge de sua forma física, saiu para a entrada de Ricardo Bueno. Serginho também foi substituído, dando lugar para o pentacampeão Ricardinho. O Atlético melhorou, mas não conseguiu oferecer perigo ao gol defendido por Jefferson.

Disposto a segurar o resultado e jogar no erro do adversário, o Glorioso explorou a velocidade de Maicosuel e Jobson, insistindo no contra-ataque. A primeira boa jogada criada foi com Maicosuel, aos nove minutos. Depois de cruzamento, Herrera desperdiçou grande chance.

Com o jogo morno, Joel Santana quis dar mais ofensividade ao time e colocou o jovem Caio no lugar do volante Marcelo Mattos. A melhora foi evidente. Com mais velocidade, o Alvinegro partiu para cima do Galo e criou boas chances.

Aos 26 minutos, Jobson surpreendeu a zaga adversária e roubou a bola. Ricardinho veio por trás e derrubou o atacante. Pênalti para o Botafogo. Herrera bateu forte e ampliou. 3 a 0.

Ousado, Joel Santana ainda teve tempo de colocar Loco Abreu que não atuava pelo Glorioso desde a disputa da Copa do Mundo. A substituição foi mais um motivo de alegria para a torcida que compareceu ao Engenhão.

Com a vitória, o Botafogo chega aos 18 pontos, ocupando a oitava posição. Já o Atlético-MG permanece com 10 pontos, na 19ª colocação, na zona de rebaixamento. Na próxima rodada o Glorioso vai ao Serra Dourada enfrentar o Atlético-GO e os mineiros recebem o Guarani, no Ipatingão.

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO 3 X 0 ATLÉTICO-MG


Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 7/8/2010 - 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Gaciba da Silva (RS)
Auxiliares: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Julio Cesar Rodrigues Santos (RS)
Público: 24.154 pagantes
Cartões Amarelos: Danny Moraes (BOT); Diego Souza (CAM)

BOTAFOGO: Jefferson, Leandro Guerreiro, Fábio Ferreira e Danny Morais; Alessandro, Somália, Marcelo Mattos (Caio), Maicosuel (Loco Abreu) e Marcelo Cordeiro; Herrera (Edno) e Jobson. Técnico: Joel Santana.

ATLÉTICO-MG: Fábio Costa, Diego Macedo, Cáceres, Werley e Fernandinho; Zé Luis, Serginho (Ricardinho) e João Pedro; Diego Souza (Jackson), Diego Tardelli e Obina (Ricardo Bueno). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

__________________________________________________
Com gol do Mago, Bota vence o Galo por 3 a 0 Botafogoemdebatemenor
"Great spirits have always encountered violent opposition from mediocre minds. The mediocre mind is incapable of understanding the man who refuses to bow blindly to conventional prejudices and chooses instead to express his opinions courageously and honestly."
Albert Einstein.
vbm
vbm
Administrador
Administrador

Número de Mensagens : 2602
Data de inscrição : 27/03/2009
Localização : Nem mesmo eu sei

http://www.biostery.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum