Botafogo em debate
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos

FOI NA RUA ONDE SOU FRANELINHA...

Ir em baixo

FOI NA RUA ONDE SOU FRANELINHA... Empty FOI NA RUA ONDE SOU FRANELINHA...

Mensagem por Sobrinho Sex Abr 17 2009, 16:16

Sob o ‘olhar’ da Taça Rio, rubro-negros e botafoguenses almoçam em clima de paz
Em confraternização nesta sexta, técnicos, atletas e dirigentes dos finalistas do returno dão exemplo de harmonia e pedem clássico sem violência
A dois dias do confronto deste domingo, pela final da Taça Rio, Flamengo e Botafogo celebraram a paz em um almoço que contou com a presença dos técnicos, capitães e da diretoria de futebol dos dois clubes. Quem também marcou presença foi o objeto de desejo de todos os presentes: o troféu do segundo turno do Carioca.

O pensamento dos rubro-negros e botafoguenses era um só: dar o exemplo de harmonia para que este seja seguido pelos torcedores e que não aconteçam casos de violência no Maracanã.

- Que a guerra seja no grito da torcida. Um vai ganhar o outro vai perder, mas a vida continua – afirmou Cuca.

O vice-presidente de futebol rubro-negro, Kleber Leite, lembrou que a rivalidade não pode sair das quatro linhas.

Ele reencontrou o amigo Ney Franco, campeão Carioca pelo Flamengo em 2007. Antes do almoço, o papo do técnico alvinegro com o adversário Cuca não era sobre futebol, mas sobre um pequeno incidente envolvendo o treinador rubro-negro. Ao abrir a porta do carro, Cuca bateu no retrovisor de um vascaíno de passava na rua Maria Angélica, no Jardim Botânico.

- Espero que isso possa servir para o torcedor, para se respeitarem na arquibancada, que a gente não ouça nenhuma notícia de briga e morte. A gente dá a demonstração que pode ter uma harmonia. A gente riu um pouquinho sem ter que tirar dinheiro do bolso – afirmou o treinador.

Fábio Luciano e Leandro Guerreiro também disseram, em clima de brincadeira, que não iam pagar a conta.

- A gente vai comer bem para ter energia para o domingo. Mas é importante mostrar para o torcedor que a rivalidade vai sempre existir, mas existe respeito – disse o capitão rubro-negro.
(Fonte Globo.com)
Sobrinho
Sobrinho
Encrenqueiro
Encrenqueiro

Número de Mensagens : 687
Data de inscrição : 31/03/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum